O Legado de Caim


O Legado de Caim

Autor: Rangel Teixeira Miranda

Caim Fonseca ficou nacionalmente conhecido após seu diário ter 
sido encontrado. 
Esse diário relatava uma grande série de assassinatos cometidos 
pelo mesmo inclusive o do próprio pai, na época a polícia com 
ajuda do mesmo consegui encontrar os restos mortais de várias 
vítimas. Caim acabou declarado insano e foi condenado a passar 
o resto da vida em um centro para doentes mentais de alta 
periculosidade, no entanto acabou fugindo em menos de um ano 
e nunca mais se soube de seu paradeiro. No entanto o maior 
mal que Caim fez não foram os assassinatos em si, mas a 
mensagem monstruosa deixada em seu diário, que infelizmente 
acabou chegando ao conhecimento público através da Internet. 
A justiça tentou mas não consegui conter a proliferação do 
diário, hoje em dia é considerado crime punível com prisão 
possuir ou repassar tal obra, mas mesmo assim devido a 
insaciável curiosidade humana supõem-se que milhões de pessoas 
tenham lido a obra de Caim. A obra foi descrita por muitos 
como sendo uma filosofia macabra e extremamente narcisista. 
Hoje muitas décadas depois do desaparecimento de Caim o 
Brasil convive com o Legado de Caim, apesar da obra 
naturalmente ter causado repulsa e raiva na maioria, 
uma pequena parte da população viu com outros olhos essa 
filosofia macabra. Caim é adorado como um 
Deus pelos seus "fãs" que veneram sua obra. 

74407072-176-k245322